THE ROASTERY

Toda nossa paixão pelo café

A Origem

A arte da escolha

Sabemos que o prazer, o sabor e os aromas dos melhores cafés somente são conseguidos através da perfeita escolha e cuidados durante todo o processo. De norte a sul, do interior até a mata atlântica, passando por ribanceiras e terrenos íngremes, os especialistas em cafés cuidam para que cada um deles tenham sabores e características únicas que mudarão a sua forma de saborear e tomar um bom café.

A nossa história começa nos terrenos férteis onde os melhores cafés especiais capturam sua essência das condições ambientais. Mas também do cuidado das pessoas que as cultivam com sustentabilidade os melhores grãos mantendo rigor na qualidade e na preservação dos recursos naturais.

Os grãos são colhidos a dedo e selecionados por tamanho, densidade, cor e atributos sensoriais. Todo o cuidado para extrair os frutos que estão no ponto certo de amadurecimento são cuidadosamente selecionados para dar o melhor sabor e a melhor qualidade dos cafés especiais. Todo processo de seleção, separação de impurezas, secagem devem ser seguidos com muito rigor a fim de proporcionar e reter tais atributos.

Nossos Cafés Especiais

Entre os Melhores Cafés do Mundo

Os Micro lotes são provados e selecionados cuidadosamente por nossos coffee hunters, a exemplo dos grandes vinhos, chamados de DOC Single Estate, por motivo da sua excepcional excelência, de origem específica e que proporcionam aromas e sabores característicos da região, posição geográfica e índices climáticos.

Outros cafés que oferecemos são Signature BLEND, composições exaustivamente experimentadas para proporcionar como uma por magia, novos sabores e aromas, especialmente criados para você.

Nossos cafés também expressam aromas e sabores das melhores regiões do Brasil, uma faixa que se estende desde o sul da Bahia, passa pelo Espírito Santo, cobre Minas Gerais, noroeste de São Paulo até no Norte Pioneiro do Paraná, os melhores dos melhores, premiados e escolhidos pelos maiores especialistas da ABIC, BSCA, e Q Graders regionais, além do juri mais importante: os nossos consumidores. Estes cafés selecionadíssimos são chamados de Limited Edition RESERVE.

Diversas espécies do Café Arábica, são selecionados todos os anos para compor a sua xícara.

A Torra

O coração da diversidade de aromas e sabores

A jornada continua quando esses grãos são torrados. Transformamos o potencial aromático de cada grão através da torrefação. Cuidados que seguem curvas de maturação com a supervisão dos nossos mestres de torrefação.

Nossa torrefação é o coração daquilo que fazemos, onde colocamos toda a nossa paixão pelo café. Passamos meses escolhendo os melhores grãos que passaram por um ciclo de vida de alguns anos: a muda, o crescimento, a flor, a cereja em fruto e o grão que e depois passa pela apanha manual, processamento e a classificação.

Queremos honrar estas pessoas que tanto trabalharam e queremos permitir que os melhores aromas e sabores sejam liberados de cada grão. Este é o nosso papel e nossa responsabilidade, uma mistura de ciência e arte, tendo o desafio de servir todos os dias, algo especial na sua xícara.

Por isso fazemos a torra diariamente em quantidades pequenas, pois o sabor e aroma é muito melhor quando fresco. Se um dia você quer, seja um amante do café ou um profissional da área, nos visitar, entre em contato ou faça parte da nossa rede de aficionados amantes do café. Teremos um prazer em mostrar todo o processo, e ensinar você, a tirar o melhor do grão na sua xícara.

Torrefação é um processo químico pelo qual aromáticos, ácidos e outros componentes do sabor são criados, equilibrados ou alterados a fim de aumentar o aroma, sabor, acidez, doçura e corpo do café como desejado pelo mestre de torra.

A primeira etapa é endotérmica, onde os grãos verdes são lentamente secados e tornam-se de uma cor amarela e onde começam a cheirar à pão tostado ou pipoca. A segunda, chamada frequentemente como desenvolvimento até chegar ao primeiro crack, que ocorre em aproximadamente 205 °C, onde o grão dobra em tamanho, adquire uma cor marrom clara ou média, aveludada e seca, e experimenta uma perda de peso de cerca de 12%. Nesta etapa é que o potencial do café será maximizado em torrefacção, quando você balanceando a doçura e aroma do café, com a medida ideal de amargura e a acidez. Se prolongarmos o tempo de desenvolvimento teremos uma nova etapa, exotérmica, chamada de segundo crack, neste a cor de torra é mais escura, definida pela caramelização da sacarose e o grão assume um brilho oleoso.